Colecção Biblioteca da Censura 06 - Romances do Mar (Bernardo Santareno)

€9,00
Imposto incluído

15% de desconto para assinantes do jornal PÚBLICO, utilize o código PROMO-PRODUTOS na finalização da compra.


-947

Expedição

Para mais informações sobre os prazos e os custos de envio, por favor consulte as tabelas.

Descrição do produto

 

O médico e escritor português Bernardo Santareno é recordado pela sua obra dramatúrgica ímpar.

No entanto, começou pela poesia, com três títulos hoje quase esquecidos, um dos quais sofreu morte censorial. As preocupações com a dureza do trabalho e as precárias condições de vida dos pescadores exaltou o censor, que à falta de tacto, cortou um poema inteiro, “Romance do Pescador Velho”, ao longo de quatro páginas rasuradas a lápis azul. Ditou: “Versos maus, doentios, irreligiosos, anti-sociais e imorais, numa palavra, deseducativos”.

O livro foi autorizado com cortes em 1955 e nunca chegou a ter uma segunda edição.

 

Uma colecção comissariada por Álvaro Seiça.

 

Se pretender encomendar a colecção completa de 25 livros, contacte-nos para o email coleccoes@publico.pt .